Blog BR+

Português como Língua de Herança - Os caminhos do POLH/ SEPOLH

15/09/2018 Fernanda Krüger Educação

O que é o POLH? 

POLH (pronunciado „pôl“) é a forma como muitos acadêmicos e educadores brasileiros na Europa referem-se ao Português como Língua de Herança, isto é, à língua portuguesa ensinada aos (e falada pelos) filhos de imigrantes brasileiros que crescem no exterior.

Movimento que vem ganhando cada vez mais força e estrutura nos últimos anos, a transmissão e o ensino da língua portuguesa do Brasil no contexto de língua de herança tem a origem de sua sigla no final dos anos 60. 

Inúmeras são as pessoas que, desde então, têm contribuído para a estruturação, crescimento e reconhecimento desta rede de apoio e fomento ao ensino da língua portuguesa no contexto de língua de herança. São pais, educadores e acadêmcios - gente com talentos diferentes - unidos em prol da mesma causa.

Contudo, aqui vale destacar o nome de uma pesquisadora brasileira cujo trabalho de excelência vem contribuindo significativamente para o avanço dos movimentos voltados ao ensino do português brasileiro no exterior. Ana Souza tem um currículo extenso e respeitado. Formada em Letras e Tradução (Português/Inglês) no Brasil, com mestrado pela University of West London e doutorado pela University of Southhampton, esta brasileira, atualmente na Universidade de Brasília como Professora Visitante e Professora Visitante Honorária na Oxford Brookes University, já fez e continua fazendo muito pelo desenvolvimento do POLH.

Há anos, Ana vem desenvolvendo pesquisas sobre Bilinguismo, Planejamento Linguístico, Língua e Identidade, Escolas de Línguas Comunitárias, Migração Brasileira, Ensino de Português como Língua de Herança e Treinamento de Professores de Idiomas.

Cofundadora do Grupo de Estudos sobre Brasileiros no Reino Unido (GEB), da Associação Brasileira de Iniciativas Educacionais do Reino Unido (ABRIR), e da Teacher and Researchers of the Portuguese Language (Troppo-UK), além de ser Professora Associada à British Higher Education Academy, suas conquistas e publicações (artigos e livros) têm servido de referência e inspiração para outros acadêmicos, educadores e pais.

O nome da Ana também aparece na criação do Simpósio Europeu sobre o Ensino do Português como Língua de Herança (SEPOLH), iniciativa que foi palco inicial para congregação de representantes de iniciativas não governamentais na Europa, contribuindo não só para o início do mapeamento das iniciativas em prol do POLH pelo mundo, como também dando origem a outras iniciativas, cursos, encontros e simpósios.

O que é o SEPOLH? 

O SEPOLH é um evento bienal, realizado sempre no mês de outubro em algum país europeu com um número significativo de brasileiros. A ideia da organização do I SEPOLH veio da ABRIR, constituída por Ana Souza e voluntários. Surgiu da observação de que vários grupos exerciam suas atividades de maneira individual e isolada e da constatação da necessidade de promover um trabalho mais colaborativo entre as instituições brasileiras atuantes na Europa para o benefício de seus profissionais, alunos e famílias.

Tem como objetivo propiciar o intercâmbio de experiências, incentivar a colaboração entre as intituições atuantes e dar maior visibilidade ao ensino do POLH na Europa. Para isso, propicia um espaço para divulgação de trabalhos e networking, assim como para realização de atividades sociais e culturais com fins educativos.

Sua primeira edição, ocorrida em Londres em 2013, foi um sucesso, dando início a um evento que viria a se firmar como destaque na área.

Em 2015, o II SEPOLH , realizado em Munique, reuniu cerca de 80 pessoas e contou com a participação de 17 países (incluindo Emirados Árabes e Japão).

O III SEPOLH (Genebra, 2017) trouxe novidades. Promoveu o lançamento do primeiro volume do livro "O POLH na Europa"  – uma coletânea de artigos apresentados no II SEPOLH e organizada por Ana Souza e Camila Lira  com o objetivo de valorizar as práticas teórico-didáticas. Também deu início às discussões sobre a gramática, o material didático e a importância da interculturalidade no ensino do POLH.

Em 2019, o IV SEPOLH acontecerá em Florença. Participe! Mais informações aqui.

 

LINKS RELACIONADOS:

1. Vídeo sobre o POLH / Material ABRIR para download

2. Um balanço do SEPOLH 

#
Fernanda Krüger

Fundadora do br+ Foco no lado positivo do Brasil!® e Idealizadora da iniciativa pioneira BRmais e o Português como Língua de Herança no Ensino Globalizado©