Blog BR+

7 de setembro – Dia da Independência do Brasil

07/09/2018 Fernanda Krüger POLH/PLH

O 7 de setembro é uma data de grande importância na História do Brasil. É o dia em que se celebra a emancipação brasileira em relação a Portugal, ocorrida no ano de 1822. Os EUA foram os primeiros a reconhecê-la. Portugal só a reconheceu em 1825, mediante a pagamento de uma multa por parte do Brasil.

Todos os anos, apresentações e eventos solenes acontecem em diferentes pontos do País neste dia.

No exterior, alguns órgãos diplomáticos e iniciativas em prol do Português como Língua de Herança prestam homenagem à data promovendo celebrações e atividades ligadas ao tema.

Claro, nós não ficamos de fora! Escolhemos dois livros de autores brasileiros para debatermos um pouquinho sobre a História do Brasil e desenvolvermos, com jovens e crianças, práticas relacionadas à História da Independência do País.

Uma Amizade (Im)possível – As aventuras de Pedro e Aukê no Brasil Colonial, de Lilia Moritz Schwarcz, com ilustrações de Spacca

 ©Fernanda Krüger

Este livro traz um enredo que se desenrola em meados do século XVI. No auge de um momento de relações cheias de desconfiança e distanciamento entre europeus e indígenas brasileiros, Pedro, filho de um mercador português, e Aukê, um índio tupinambá, constroem uma bela amizade, baseada em companherismo e tolerância. Um rico glossário com termos, conceitos e situações acompanha a obra.  

(Edição Juvenil Ilustrada) 1808 – Como uma rainha louca, um príncipe medroso e uma corte corrupta enganaram Napoleão e mudaram a História de Portugal e do Brasil, de Laurentino Gomes, com ilustrações de Rita Bromberg Brugger 

©Fernanda Krüger 

Edição especial do sucesso editorial homônimo e parte da trilogia „1808, 1822 e 1889“, este livro é voltado ao público juvenil (145 páginas). Apresenta fatos da História do Brasil no início do século XIX por meio de uma linguagem simples e detalhada.

© commons.wikimedia (Imagem Selo)

#
Fernanda Krüger

Fundadora do br+ Foco no lado positivo do Brasil!® e Idealizadora da iniciativa pioneira BRmais e o Português como Língua de Herança no Ensino Globalizado©